Quando o assunto envolve confiança vale a pena fazer uma boa análise - DNALAB Diagnóstico Molecular

Serviços

Duas linhas de trabalhos são desenvolvidos no DNAlab:

Identificação Humana e Paternidade

  • Casos Triviais
  • Investigante e suposto(a) pai(mãe)
  • Investigante e supostos avós.
  • Mãe biológica, investigante e supostos avós.
  • Reconstruções genéticas com supostos tios
  • Reconstruções genéticas com supostos meio irmãos
  • Averiguação de parentesco
  • DNA pré-natal
  • Exumações
  • Analise de DNA em amostras de unhas, suportes têxteis e outros.

Perfis Genéticos Individuais

  • Dieta nutrição e exercícios
  • Painel doenças genéticas
  • Condição de saúde
  • Painel farmacogenético
  • Saúde cardíaca
Identificação Humana e Paternidade

Identificação Humana e Paternidade

  • Casos Triviais
  • Investigante e suposto(a) pai(mãe)
  • Investigante e supostos avós.
  • Mãe biológica, investigante e supostos avós.
  • Reconstruções genéticas com supostos tios
  • Reconstruções genéticas com supostos meio irmãos
  • Averiguação de parentesco
  • DNA pré-natal
  • Exumações
  • Análise de DNA em amostras de unhas , suportes têxteis e outros.
Perfis Genéticos Individuais
Condição de saúde

Condição de saúde

Avanços recentes em pesquisa médica identificaram marcadores genéticos associados com muitas condições complexas de saúde. O Perfil Genético para Condições de Saúde Complexas classifica marcadores genéticos para identificar a propensão de uma pessoa para desenvolver doenças comuns. Possuir estes marcadores genéticos não significa que uma pessoa terá a doença, mas indica se ela possui um risco crescente ou decrescente de desenvolver uma condição.

A pesquisa científica em genética avança de maneira rápida e significativa, permitindo-nos aprender sobre os nossos genes mais do que jamais imaginamos ser possível. Somos comprometidos em atualizar continuamente nossos serviços de testes a fim de fornecer as informações de maneira atual e inovadora.

O Perfil genético Health DNA Insight possui informações sobre risco genético para as seguintes condições:

  • Degeneração macular relacionada à idade
  • Diabetes tipo 1
  • Infarto agudo do miocárdio
  • Lúpus eritematoso sistêmico
  • Doença de Alzheimer de início tardio
  • Diabetes tipo 2
  • Obesidade
  • Colite ulcerativa
  • Esclerose lateral amiotrófica (esporádica)
  • Glaucoma por esfoliação
  • Osteoartrite
  • Asma Hipertensão
  • Doença de Parkinson
  • Fibrilação atrial
  • Leucemia linfoide crônica
  • Doença arterial periférica
  • Câncer de mama (somente mulheres)
  • Câncer de pulmão
  • Câncer da próstata (somente homens)
  • Câncer colorretal
  • Melanoma
  • Psoríase
  • Doença arterial coronariana
  • Esclerose múltipla
  • Artrite reumatoide
Doenças genéticas recessivas

Doenças genéticas recessivas

O teste Condição de Portador DNA Insight foi desenvolvido para você e seus pacientes e oferece uma visão genética relevante a respeito da saúde de seus futuros filhos.

Ao seguir as recomendações e diretrizes da American College of Obstetricians and Gynecologists (ACOG), oferecemos a você um compreensivo teste de mapeamento genético desde a pré- concepção ao período pré-natal com informações importantes para delinear suas condutas.

O teste Condição de Portador DNA Insight oferece maior número de condições recomendadas pela ACOG, equipando médicos com informações preciosas a respeito do portador a partir de uma fonte única.

Condição de Portador DNA Insight:

  • Permite que você identifique mais de 70 doenças genéticas recessivas em seus pacientes.
  • É desenvolvido através de um rigor científico que utiliza marcadores e ensaios relevantes do ponto de vista clínico e devidamente validados.
  • A coleta do teste é rápida, fácil e não invasiva, sendo necessário somente uma amostra de saliva.
  • Permite o aconselhamento detalhado sobre saúde pré e pós-natal.

Doenças recomendadas pela ACOG:

  • Fibrose cística
  • Doença de Tay-Sachs
  • Talassemia Beta
  • Doença falciforme
  • Doença de Canavan
  • Disautonomia Familiar
  • Atrofia muscular espinhal (AME)*
  • Síndrome do X Frágil*
  • Talassemia alfa*

Doenças Judaicas Ashkenazi:

  • Síndrome de Bloom
  • Doença de Canavan
  • Fibrose cística
  • Deficiência do fator XI
  • Disautonomia Familiar
  • Anemia de Fanconi
  • Doença de Gaucher
  • Doença de armazenamento de glicogênio, tipo 1a
  • Doença da urina de xarope de bordo
  • Mucolipidose IV
  • Doença de Niemann-Pick
  • Doença de Tay-Sachs
  • Tirosinemia

Doenças adicionais da condição de portador

  • Deficiência isolada de 3-metilcrotonil-CoA carboxilase
  • Acrodermatite enteropática
  • Deficiência de alfa-1 antitripsina
  • Esclerose lateral amiotrófica (esporádica)
  • Deficiência de argininosuccinato liase
  • Síndrome poliglandular autoimune, tipo I
  • Síndrome de Bartter, tipo 4a
  • Deficiência de beta-cetotiolase
  • Deficiência de Biotinidase
  • Deficiência de carnitina sistêmica primária
  • Xantomatose Cerebrotendínea
  • Citrulinemia, tipo I
  • Síndrome de Crigler-Najjar
  • Diabetes, neonatal permanente
  • Deficiência de desidrogenase de diidropirimidina
  • Síndrome de Dubin-Johnson
  • Síndrome de Ehlers-Danlos, dermatoparaxis
  • Síndrome de Ehlers-Danlos, hipermobilidade
  • Síndrome de Ehlers-Danlos, cifoescoliótica
  • Febre Familiar do Mediterrâneo
  • Deficiência de galactoquinase
  • Galactosemia
  • Acidemia glutárica, tipo 1
  • Gangliosidose GM1
  • Perda auditiva, DFNB1 e DFNB9 não sindrômica
  • Perda de audição, DFNB59 não sindrômica
  • Hemocromatose
  • Hemoglobina C
  • Hemoglobina E
  • Deficiência de HMG-CoA liase
  • Homocistinúria, tipo cblE
  • Homocistinúria, clássica
  • Síndrome de Hurler
  • Deficiência de lipoproteína lipase familiar
  • Deficiência de Acil-CoA Desidrogenase de Cadeia Média
  • Acidemia metilmalônica
  • Mucolipidose II
  • Mucolipidose III
  • Deficiência múltipla de carboxilase
  • Síndrome nefrótica, resistente a esteroides
  • Fenilcetonúria
  • Doença renal policística
  • Doença de Pompe
  • Deficiência em pré-calicreína
  • Acidemia Propiônica
  • Deficiência de Protrombina
  • Síndrome de Rh nulo
  • Raquitismo por deficiência de pseudovitamina D
  • Doença de Sandhoff
  • Deficiência de Acil-CoA desidrogenase de cadeias curtas
  • Síndrome do nódulo sinusal
  • Esferocitose hereditária
  • Pseudodeficiência de Tay-Sachs
  • Trombocitopenia amegacariocítica congênita
  • Deficiência de Acil-CoA desidrogenase de cadeias muito longas
  • Doença de von Willebrand, tipo 2 Normandia
  • Doença de von Willebrand, tipo 3
Fit - Dieta - Nutrição - Exercícios

Fit - Dieta - Nutrição - Exercícios

O Perfil Genético para Dieta, Nutrição e Exercício Físico analisa mais de 75 variantes genéticas conhecidas e que possuem importante papel no metabolismo, no exercício físico e na dieta. Por meio da análise desses marcadores genéticos, que são expressos em diversos tecidos do corpo, pode ser realizada uma análise de como o corpo de cada indivíduo processa o açúcar, gorduras, os nutrientes e vitaminas. Esse relatório também avalia como o corpo responde ao exercício, possibilitando traçar estratégias que irão auxiliar a conquista do seu potencial máximo e na manutenção do peso, de forma saudável e individualizada, através do seu Perfil genético.

Dieta e exercícios corretos podem ajudar você a:

Atingir seu peso ideal

Você já se perguntou por que uma pessoa perde mais peso que você mesmo quando está numa mesma dieta? Cada pessoa tem sua própria constituição física. Estudos mostraram que aquele que segue uma dieta geneticamente adaptada pode perder muito mais peso se comparado àquele que não segue uma dieta baseada em sua genética. Qual dieta é melhor para você? Baixa caloria, baixa gordura, Mediterrânea ou balanceada?

Melhorar seu desempenho físico

Uma alimentação adequada é importante mesmo se você já estiver no seu peso ideal. Se alimentar da maneira correta pode aumentar sua energia, seu desempenho físico e otimizar sua saúde como um todo.

Aumentar sua energia

Entenda como seus genes influenciam a metabolização de alimentos e vitaminas. Nem todo mundo metaboliza os alimentos da mesma maneira. Uns metabolizam bem carboidratos, outros não. O mesmo acontece com gorduras.

Viver uma vida mais saudável

O que aconteceria se você ingerisse alimentos mais apropriados ao seu tipo físico? Você gostaria de saber se é possível reduzir seu risco para desenvolvimento de doenças como câncer e doenças do coração? Alimentação correta e exercícios podem ajudar.

Benefícios para você:

  • Manutenção do peso de maneira saudável
  • Melhoria na performance física e mental
  • Aumento de energia
  • Prevenção de doenças

Benefícios para o profissional da saúde:

  • Otimização da resposta clínica
  • Opções de tratamento mais adequados com base na individualidade dos pacientes
  • Melhora na performance e condições de saúde gerais do paciente

Sua Dieta Recomendada:

  • Baixa gordura
  • Mediterrânea
  • Balanceada
  • Baixo teor de carboidratos

Reações a Alimentos:

  • Metabolismo da Cafeína
  • Gosto Amargo
  • Intolerância à Lactose
  • Rubor Facial Induzido por Álcool

Traços de Comportamento Alimentar:

  • Lanche
  • Fome
  • Saciedade
  • Desinibição alimentar
  • Desejo por alimentos

Exercício:

  • Treinos de resistência
  • Treinos de força
  • Resposta a Exercício:

    • Sensibilidade à Insulina
    • Emagrecimento
    • Pressão Sanguínea
    • HDL Colesterol Bom
    • Perda de Gordura Corporal

Seu Corpo e Seu Peso:

  • Efeito Sanfona (Reganho de Peso)
  • Metabolismo
  • Níveis de adiponectina
  • Obesidade

Necessidades Nutricionais:

  • Vitamina B6
  • Vitamina B12
  • Folato
  • Vitamina A
  • Vitamina D
  • Vitamina E
Resposta a medicamentos

Resposta a medicamentos

Com os avanços da Genômica, um dos grandes potenciais dos testes genéticos é a medicina personalizada. Essa nova ferramenta permite aos médicos oferecerem cuidados de saúde com base no genótipo do paciente. A genética de um indivíduo pode sugerir níveis de dosagem apropriados de medicamentos, interferir na eficácia dos mesmos ou, em alguns casos, prevenir o uso de fármacos inadequados. O teste de Resposta a Medicamentos DNA Insight analisa quais medicamentos poderão ser indicados para uma pessoa com base em sua genética. Com base na medicina preventiva e de bem-estar, revela-se importante conhecer estas informações em caso de uma emergência.

A pesquisa científica avança intensivamente, permitindo-nos aprender sobre os nossos genes mais do que jamais imaginamos ser possível. Somos comprometidos em atualizar continuamente nossos serviços de testes a fim de fornecer a mais atual das informações.

Abaixo você encontrará uma lista dos medicamentos inclusos no teste Resposta a Medicamentos DNA Insight:

  • Hipersensibilidade ao abacavir
  • Indução por antibióticos aminoglicosídicos perda da audição
  • Beta-bloqueadores
  • Beta-bloqueadores, resposta de FEVE
  • Hipersensibilidade à carbamazepina
  • Metabolismo do clopidogrel
  • Suplementação de estrogênio
  • Interferon-alfa/ribavirina
  • Toxicidade do metotrexato
  • Metabolismo do metoprolol
  • Hipersensibilidade a fenitoína
  • Metabolismo da fenitoína
  • Inibidores da bomba de prótons
  • Miopatia induzida por sinvastatina
  • Metabolismo do voriconazol
  • Varfarina
Saúde cardiaca

Saúde cardiaca

O Perfil Genético para Saúde Cardíaca auxilia na identificação de risco aumentado para determinadas condições cardiológicas, incluindo níveis de colesterol HDL e LDL, hipertensão e infarto do miocárdio.Este relatório também examina oito classes de medicamentos que afetam o sistema cardiovascular: antiagregantes plaquetários, anticoagulantes, estimulantes, estatinas, betabloqueadores, inibidores da ECA, bloqueadores dos canais de cálcio e terapias hormonais. Testes genéticos podem ser usados para melhorar as informações fornecidas em testes lipídicos que avaliam o risco de doença cardiovascular.

O perfil genético para saúde cardíaca fornece informações que permitem o médico:

  • Monitorar o paciente de maneira individualizada para condições de saúde específicas
  • Prescrever medicamentos de maneira individualizada e com doses otimizadas de acordo com a genética do paciente, possibilitando uma melhor resposta ao tratamento
  • Sugestão de intervenções de dieta e exercício físico de maneira precoce, beneficiando a prevenção de determinadas condições cardiológicas

O teste Genético para Saúde Cardíaca é apoiado por tecnologias de testes genéticos cientificamente validados por meio de marcadores e ensaios relevantes do ponto de vista clínico.

Condições de saúde:

  • Fibrilação atrial
  • Doença arterial coronariana
  • Diabetes tipo 1
  • Diabetes tipo 2
  • Hipertensão
  • Infarto do miocárdio
  • Doença arterial periférica
  • Anemia falciforme

Farmacogenética:

  • Beta-bloqueadores
  • Beta-bloqueadores resposta de FEVE
  • Metabolismo da cafeína
  • Metabolismo do clopidogrel
  • Suplementação de estrogênio
  • Metabolismo do metoprolol
  • Perindopril (inibidor da ECA)
  • Miopatia induzida por sinvastatina
  • Verapamil e controle da pressão arterial
  • Verapamil e intervalo QT corrigido
  • Verapamil x atenolol
  • Varfarina

Fatores Metabólicos de Saúde:

  • Risco para ácido fólico diminuído
  • Risco para colesterol HDL diminuído
  • Risco para colesterol LDL elevado
  • Risco para triglicérides elevado

Perfis Genéticos Individuais

  • Dieta nutrição e exercícios
  • Painel doenças genéticas
  • Condição de saúde
  • Painel farmacogenético
  • Saúde cardíaca
Transporte de amostras

DNA em casa

  • Em qualquer localidade, realize seu teste de DNA de forma direta com o DNAlab.

Testes de paternidade

  • Testes realizados com auto-coleta não tem identificação formal e por isto não tem valor jurídico, é apenas um teste com amostras não identificadas. As auto-coletas podem ser acompanhadas pelo perito através das formas de comunicação com o DNAlab.
  • Atendimento domiciliar direto pela equipe do DNAlab geram laudos com valor jurídico.

Perfis genéticos individuais

  • Podem ser realizados diretamente pela equipe do DNAlab ou por solicitações de kits para auto coleta.

Regiões de atendimento direto pela equipe do DNAlab:

  • Curitiba e região metropolitana
  • Litoral do Paraná
  • Londrina e região
  • Distâncias de até 150 km das sedes
Transporte de amostras

Testes rápidos

Investigação de paternidade(maternidade)

  • Resultado em 12 horas
  • Resultado em 24 horas
  • Resultado em 72 horas
  • Prazos normais – 7 dias corridos
Qualidade

O sistemas de detecção de DNA utilizados em rotina são na maioria comerciais e validados internacionalmente por instituições regulamentadas. Sistemas adicionais são desenvolvidos por pesquisa interna do DNAlab para garantir melhores resultados em análises de maior grau de complexidade.

O DNAlab se submete assiduamente aos exercícios de qualidade do GEP-ISFG (Grupo Espanhol Português da Sodiedade Internacional de Genética Forense).

Investigação de
paternidade nos
cartões de crédito
em até 12 parcelas

Otimizado por: Curitiba SEO Marketing Digital

© 2013, DNA lab. Todos os direitos reservados